Arquivo do mês: agosto 2011

A Dura vida dos GAYS

Continuar lendo

A parábola do Rodolfinho

Oi, meu nome é Rodolfinho e eu odeio meu dono. Eu odeio, odeio meu dono. Como pode, colocar-me neste mundo e esquecer-me amarrado a este poste, justo agora? Sim, o ‘justo agora’ foi só para que você se sentisse impelido a me perguntar: Por que justo agora Rodolfinho? Anda, pergunta…

Continuar lendo